Muitas famílias possuem algum bicho de estimação para alegrar ainda mais a casa. Assim, é comum vermos pessoas com cachorros, gatos, peixes e, até mesmo, bichos diferentes como coelho e hamster. No entanto, há aqueles que gostam de animais exóticos, por isso, hoje, vamos mostrar oito espécies que podem ser criadas como animais de estimação nos lares brasileiros e internacionais. Se você é uma pessoa que procura uma dessas espécies, então não deixe de acompanhar a lista abaixo.

Animais exóticos criados no Brasil e no mundo:

1- Gerbil:

Gerbil

O Gerbil parece um hamster, no entanto, é considerado um tipo de esquilo. Assim, ele possui uma pelagem mais fina e o rabo peludo. Essa espécie possui hábitos noturnos, por isso, é importante não manter este bicho criado em lugares fechados, especialmente no quarto, pois costumam atormentar o sono dos seus donos. Para aquelas pessoas que são apegadas aos roedores, o Gerbil é um animal que se adapta ao local e pode ser criado sem qualquer problema. Além disso, o valor no mercado é baixo, sendo facilmente adquirido.

Veja também:

Adestrar Cachorro – Como educar seu cão

Ideias rentáveis de negócio com animais

2- Chinchila:

Chinchila

Falando em roedores, uma espécie muito dócil e silenciosa é a Chinchila. Seu nome veio através de uma tribo indígena, cujo nome é Chinchas, localizada no local onde o mamífero foi primeiramente encontrado, na Cordilheira dos Andes no século 16. Depois, eles passaram a ser comercializados em diversas regiões, inclusive no Brasil. Há muitos criadores no país, tornando o processo de compra rápido.

3- Teiú:

Teiu

Para quem gosta de animais exóticos com um aspecto mais distinto, os Teiú são uma ótima opção. Trata-se de uma espécie de lagarto, contudo, ele pode não se adaptar facilmente com os humanos quando não são criados desde pequeno. Quando consegue se acostumar com o ambiente e com as pessoas, eles se tornam dóceis e tranquilos. São boas companhias e adoram ovos, por isso, costumam invadir galinheiros.

Veja também:

Peixe Betta Saudável – Manual Completo

Top 10 – Os cachorros mais bravos do mundo

4- Jiboia arco-íris da Amazona ou Jiboia vermelha:

Jiboia arco-íris da Amazona

A maioria das pessoas tem verdadeiro pânico em relação às serpentes. O medo geralmente é tão grande que não costumam ver este animal nem em cativeiros, no entanto, por incrível que pareça, existem aquelas que não só amam as cobras como costumam criá-las dentro da própria casa. Este é o caso da Jiboia vermelha. Esta espécie é a mais recomendada já que possui um temperamento bastante reservado e tímido. Costuma ficar entre troncos, pedras e arbustos. Para criar este réptil, basta realizar um registro, depois disso, a pessoa obterá a licença para adquirir a cobra.

5- Sagui de pelo branco:

Sagui de pelo branco
IMAGEM: onordeste.com

O Sagui de pelo branco vive em abundância na Mata Atlântica e são tranquilos e brincalhões. Costumam viver até 10 anos e gostam de ser criados de maneira livre, por isso, apesar de ser liberado no Brasil, é comum percebermos a presença destes animais nas ruas, já que poucos ficam em cativeiros.

6- Hedge:

Hedge

O Hedge é um tipo de porco-espinho muito comum na Europa e nos Estados Unidos. Apesar disso, ainda é um tipo de animal proibido no Brasil. Entretanto, por se tratar de um animal calmo e por ser facilmente criado, já que se alimentam de ração de gato, existem muitas pessoas que passam a cria-los de forma ilegal. Esta prática pode acarretar sérias consequências, já que a pessoa estaria comentando um crime ambiental. Por isso, em locais que a comercialização de uma espécie é proibida, a melhor solução é procurar por bichos que sejam legalizados.

Veja também:

(Curso) Como Cuidar do seu Animal de Estimação

7- Fennec:

Fennec

A Fennec, conhecida também como Feneco, é uma espécie de raposa, sendo o menor dos canídeos extantes. Pode medir até 50 centímetros e pesar 1,5 kg. Esta raposa é originária do Sahaara e se alimentam de comida de gato, cachorro, verduras e frutas. Na natureza, costumam seguir uma dieta baseada em insetos e plantas. Trata-se de um animal brincalhão e divertido.

8- Sugar Gliders:

Sugar Gliders

Este curioso esquilo voador é muito comum nos Estados Unidos, na Europa e na Austrália. No Brasil, ele recebeu o nome de Petauro e poucas pessoas conhecem a sua criação. São animais muito fáceis de se obter, já que sua criação é simples. Costumam ser amigáveis e dóceis, além disso, conseguem reconhecer o seu dono e, até mesmo, o seu nome. O mais interessante é que eles dão intensos rasantes no ar, planando graciosamente.

Quais desses animais exóticos você quer na sua casa? Conte nos comentários abaixo. E deixe sua curtido e compartilhamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

20 − 5 =