Muitas empresas, marcas ou negócios investem dinheiro em anúncio no Facebook (publicidade paga). Umas conseguem alcançar bons resultados, outras (a maioria), nem por isso.

Por isso nesta matéria, vamos explicar-lhe 7 pontos essenciais para que o seu anúncio gere resultados positivos.

Curta a Proddigital Market no Facebook >>>

Anúncio no Facebook – 7 coisas que deve fazer

É simples perceber a tentação de fazer um anúncio no Facebook. Investe-se o dinheiro que se quer, tem-se um elevado número de utilizadores assíduos nessa rede social e é extremamente simples conceber o mesmo.

No entanto, se não fizer as coisas como devem ser feitas, o único a lucrar com o seu dinheiro investido (gasto) é mesmo o Facebook. Ainda que não haja uma fórmula mágica para realizar um anúncio que proporciona retorno do investimento garantidamente, decidimos postar esta matéria, que no mínimo, lhe vai ajudar a obter melhores resultados que os que têm tido até aqui. Confira.

Veja também:

Facebook Experts – Aprenda a Anunciar no Facebook Ads de Forma Barata!

1 – Definir bem os objetivos e o público-alvo

Tem que saber qual é o seu objetivo. Pode ser 1 contacto, 100 contactos ou, preencher um formulário, ver um vídeo. Ou seja, quando faz uma campanha deve saber muito bem o que quer alcançar.

É preciso conhecer perfeitamente o seu público-alvo e isso é fundamental na mensagem a colocar no anúncio do Facebook.

Estes dois conceitos são a primeira base do sucesso. Lembre-se que o anúncio serve para cumprir um determinado objetivo e esse anúncio contém em si uma mensagem que tem que estar ajustada ao seu público de forma a ser apelativa e cumprir a sua função.

2 – Ter uma página ou site específico para a conversão

Este é o ponto em que mais se falha quando se faz um anúncio no Facebook. Todos criam um anúncio para a própria página do Facebook ou para o seu site (genérico) mas raramente concebem uma página (ou site) específica para o efeito.

Assim, da próxima vez que criar um anúncio, lembre-se de elaborar uma página específica para o conteúdo do seu anúncio, que não só vá de encontro às expectativas de quem clicou no anúncio, mas que tenha os botões corretos de chamada de ação e que capte (no mínimo) o contato do visitante.

3 – Monitorizar em detalhadamente

É uma verdade que mal ou bem, quando uma empresa investe num anúncio do Facebook, passa muito tempo olhando para os resultados. Eu quando dispenso algum dinheiro (seja no que for) quero acompanhar o que está a acontecer bem de perto.

Mas neste ponto falta muitas vezes o olhar crítico. Quando um anúncio está no ar, é preciso perceber se, no processo todo, desde o aparecimento na rede social até ao clique no botão que se pretende, se tudo está correto.

A maior parte não o faz. Olha só. Olhar só não promove ligeiras alterações que poderão fazer a diferença entre o anúncio no Facebook ser um sucesso ou não.

Veja também:

Marketing de Redes Sociais – Ferramantas Incríveis que vão te ajudar!

Spostti – Aumente em até 10x suas Conversões de Leads e Vendas no Facebook!

4 – Elaborar um plano prévio específico

Em simultâneo com a exibição do anúncio, deve ter, para o mesmo período, um plano agendado de publicações na rede social que reforcem o seu anúncio.

O utilizador hoje em dia toma decisões informadas e essas publicações agendadas podem ser mais argumentos que impulsionem a concretização do negócio.

5 – Ser social

Se está anunciando numa rede social deve ser social. Não basta descarregar o anúncio e esperar pelo fim da campanha para analisar o resultado.

Enquanto a campanha decorre é muito provável que seja abordado com questões que terá que responder em tempo útil, tempo esse que é reduzido. O utilizador quer respostas na hora e, se não tiver, adeus primeiro impulso. Quando lhe responder esse impulso já passou e, provavelmente, não terá uma segunda oportunidade.

Se está nas redes sociais e ainda por cima a investir dinheiro nessas redes sociais, o mínimo a que se deve obrigar é ser social.

6 – Preparar a automação de marketing para converter

Esta etapa raramente é feita, quando se fala em pequenos e, por vezes até em médios negócios. O Follow Up fica normalmente esquecido.

Não é automatizado um Follow Up de um cliente porque consideramos que vamos fazê-lo cliente a cliente, enviando um e-mail a cada um individualmente, mas isso acaba por não acontecer (vários motivos, o mais comum é a falta de tempo e o esquecimento) e acabam por se perder clientes e o anúncio no Facebook acaba por não ser um sucesso.

Automatize o envio de e-mails para fazer o Follow Up. Lembre-se que raramente se vende no primeiro contato e que para vender é necessário criar relação. Esta automatização vai proporcionar essa relação.

Veja também:

Facebook como estratégias para Marketing na Internet

LinkedIn – Porque o deve utilizar

7 – Analisar resultados e medir o ROI (Return of Investment)

Este é o sumo e o resultado efetivo de todo o investimento feito. De acordo com os objetivos que definiu valeu a pena investir dinheiro num anúncio no Facebook? O retorno financeiro foi o esperado?

E aí, você anda a fazer os anúncios corretamente? E os seus anúncios têm o retorno que você espera? E por norma quais são os seus objetivos?

Publicidade

montar um negócio na internet



DEIXE UMA RESPOSTA

4 × cinco =