Hoje em dia as pessoas têm preocupações com a alimentação e têm maiores cuidados que o que comem no trabalho e a moda da marmita pegou e são cada vez mais os homens e mulheres (sim, os homens também já levam marmita para o trabalho) que a adotaram. Hoje vamos falar das tendências de alimentação para 2016 (e não estamos só falando de comida).

Top 10 das tendências de alimentação para 2016

10 – Alimentação sem glúten e sem lactose

alimentacao sem gluten e sem lactose

Cada vez mais existem pessoas intolerantes ao glúten e a lactose, e cada vez mais essas pessoas por motivos de saúde optam por uma alimentação que não contenha nenhum destas enzimas. No entanto mesmo quem não sofre de qualquer problema de saúde, está restringir na sua alimentação produtos que contenham glúten ou lactose.

Veja também:

Emagreça Com o Dr. Rocha | Receitas Mágicas – 12 Mil Receitas

Não quero mais ser gordo!

9 – Vegetarianismo

vegetarianismo

A exclusão da carne da alimentação é uma tendência que tem cada vez mais seguidores por todo o mundo. Existem vários tipos de vegetarianismo (ovolactovegetariano (podem comer-se alguns produtos de origem animal, como ovo, leite, queijo ou iogurtes), vegano (não comem nada que seja de origem animal), frugivorismo (só comem fruta, legumes e verduras, excluindo todos os cereais e produtos de origem animal), ou crudivorismo (só comem alimentos crus ou aquecidos a menos de 46 graus)) e você tem de ver se realmente está preparado para uma alimentação tão restritiva assim.

8 – Dietas Restritivas

dietas restritivas

É uma das maiores tendências de alimentação para 2016, e são aquelas dietas que restringem muito a alimentação durante uma ou duas semanas (dieta da sopa, dieta detox, dieta do arco-íris). É importante que você não vá em modas e que tenha sempre cuidado com a sua alimentação.

7 – Dietas ricas em proteínas

dietas ricas em proteínas

De acordo com vários nutricionistas, as dietas ricas em proteínas viram para ficar. No entanto se você se dedicar apenas a comer proteínas e não for malhar, pode ter a certeza que o seu corpo não vai ficar sarado! Você vai engordar e bastante.

6 – Uso de suplementos alimentares

suplementos alimentares

Uma vez que as pessoas têm estado cada vez mais preocupadas com a alimentação, tem havido um aumento crescer do uso de suplementos alimentares, e caso sejam bem utilizados têm os seus frutos. No entanto não se esqueça que é importante verificar se o suplemento é o correto para aquilo que você quer.

5 – Alimentos orgânicos

alimentos orgânicos

São alimentos sem a adição de adubos químicos ou toxinas, e são cada vez mais uma tendência de alimentação para 2016. Este tipo de alimentos são um pouco mais caros do que os “normais” no entanto são menos nocivos para a saúde.

Veja também:

8 piores alimentos para a nossa saúde

Emagrecimento com alimentação saudável

4 – Probióticos

probióticos

Os probióticos são produtos que contêm microorganismos vivos e que se encontram, sobretudo, nos iogurtes. São muito benéficos para o aparelho digestivo, sobretudo para os intestinos. No entanto é previsível que este ano se comecem a inserir próbióticos nas águas com sabores, pacotes de fibra e smoothies.

3 – Pulse

pulse

“De acordo com a ONU, 2016 vai ser o ano internacional de ‘pulse'”. O pulse é uma mistura de ervilhas secas, lentilhas e grão-de-bico, “que, posteriormente, se embalam e vendem como fonte de proteína e fibra”. Pode ser utilizada em receitas, mas também como snack.

2 – Lojas de produtos naturais

lojas de produtos naturais

Esta tendência está ligada à mudança da mentalidade das pessoas e ao consumo de alimentos mais saudáveis. No entanto ao adquirir produtos nestas lojas, tem de ter cuidado para não se deixar influenciar por rótulos e pela publicidade que o produto promete dar.

1 – Marmita sem vergonha

marmitas

Já lá vai o tempo em que as pessoas que levavam a marmita para o trabalho eram gozadas. Hoje em dia, cada vez mais as pessoas levam marmitas para o trabalho de forma a poupar dinheiro, mas também para conseguirem ter uma alimentação muito mais cuidada.

E aí? Você segue alguma destas tendências? O que achas disso? Dê a sua opinião para nós!



DEIXE UMA RESPOSTA

sete + três =