Um quarto da população do Bahrein, arquipélago de 35 ilhas situado no estado do Golfo Pérsico, está disposto na capital Manama. Sendo a maior cidade do país, atualmente, ela possui aproximadamente 250 mil habitantes.

Manama é a capital do Bahrein e fica localizada na província da Capital. A cidade se destaca por sua vasta costa litorânea, com belas e extensas praias. Além disso, ostenta uma cultura bastante peculiar, o que atrai uma grande quantidade de turistas anualmente.

A rica história da Manama

Manama tem um histórico-cultural movimentado, o que demonstra uma luta árdua e incessante para se tornar independente. Há registros da cidade que a datam já nos primórdios de 1345. Em seguida, Portugal tomou as ações do povoado e o tiveram como propriedade durante um bom período da história antiga, por volta do ano de 1521. O povo persa foi outro que tomou partido do território durante certo período do século XVI.

Uma cidade moderna

A cidade, assim como boa parte do país, se sustenta atualmente por meios de suas reservas petroleiras. Mas, visando o futuro, começa a se movimentar em direção de desafogo financeiro, podendo assim se sustentar com suas próprias pernas, atraindo, desta forma, turistas do mundo inteiro.

Prospectando um futuro equilibrado, Manama começa a recorrer a outros aspectos que no futuro podem render frutos consideráveis. Os mercados navais, siderúrgicos e metalúrgicos da cidade estão sendo fomentados e incentivados para que se consolidem em meio a uma economia até então dominada pelo petróleo.

Outros atributos que colocam a cidade de Manama no rol de uma das mais chamativas para os turistas passam pela arquitetura e pelo trânsito do lugar. Os prédios são, na esmagadora maioria, modernos, embora apresentem traços de uma feição ocidental. Já as largas ruas e avenidas são um toque especial no trânsito de Manama.

Forte do Bahrein

Destino obrigatório para todo e qualquer turista que se aventure em Manama é o Forte do Bahrein, localizado em Manama. Ele pertenceu aos portugueses no período de tomada de território e, de certa forma, representa a luta do povo desta região pela independência. O local também serviu como local de encontros semanais dos “Dilmun”, uma das mais eloquentes civilizações do país.

Site oficial: www.capital.gov.bh

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here