Há muitos tempo os brasileiros buscam em outros países oportunidades de emprego, impulsionados pela expectativa de melhores condições de vida. Mas nos últimos anos a expatriação atingiu números históricos devido à crise econômica acentuada.

Mesmo com a falta de controle de dados para saber ao certo quantos brasileiros deixaram a terra-mãe, o Ministério das Relações Exteriores relatou que em 2017 o número aproximava-se de 3 milhões e a Receita Federal está recebendo crescentes declarações de saída definitiva do país desde 2015, de 14 mil para 22,4 mil em 2019.

Porém, estudos comprovam uma importante mudança de perfil: a maioria nesses números é formada por cidadãos de maior nível socioeconômico e escolaridade. Além da mão de obra intelectual, o Brasil corre o risco de despedir-se também de parte da sua população mais jovem, já que o DataFolha divulgou que 62% daqueles entre 16 e 24 anos gostariam de deixar o país.

Porém, entre idealização e realização há um longo caminho. Muitos dos brasileiros no perfil acima sonham com destinos tradicionais e os EUA ainda encabeçam a preferência (23,8%), seguido por Portugal (13,4%) e Espanha (9,4%). Para aqueles que não são elegíveis de visto por meio de cidadania ou casamento, o caminho até esses países tende a ser difícil: os EUA estão restringindo a emissão de vistos para brasileiros e a União Europeia está mais rigorosa.

Por outro lado, este é um momento muito propício para abrir-se a outros destinos que dão sinais de serem as próximas potências. Alguns brasileiros já perceberam isso e escolheram países menos óbvios, como o Japão, que alcançou a 4ª posição na preferência dos emigrantes, e mesmo que o número ainda seja modesto (7,4%), buscar destinos novos e promissores é uma excelente chance de conseguir a almejada expatriação.

Singapura, a Suíça Asiática

Dessa forma, um destino que merece atenção antes que mais pessoas o descubram e torne-se difícil de emigrar é Singapura, que possui o fantástico título de Suíça Asiática. A cidade-estado foi listada como o melhor país para estrangeiros segundo pesquisa do banco HSBC, possui o maior IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) entre os países asiáticos, altos níveis de educação de qualidade (comparado à Finlândia e Noruega) e tem o inglês como língua principal, que você já pode começar a aprender no nosso canal Proddigital Idiomas.

O título de Suíça Asiática não é apenas por sua economia desenvolvida, mas pelo o que está por debaixo desta: baixos impostos, abertura e facilidade total para investimentos estrangeiros, segurança institucional e jurídica, leis eficientes e população produtiva que, aliás, beneficia-se de forte cultura de meritocracia. Tudo isso faz com que, assim como o franco suíço, o dólar de Singapura seja uma das moedas mais estáveis e fortes do mundo. Com isso, o país atrai diversos investimentos, principalmente em infraestrutura, tecnologia e bem-estar coletivo.

Quanto mais, melhor

Mesmo sendo uma cidade-estado pequena (menor que a cidade de Campinas) e com algumas regras rigorosas (chicletes foram banidos por mais de 10 anos porque as pessoas não os descartavam corretamente), o país atrai 3 milhões de turistas a mais que o Brasil todo ano, sendo o Marina Bay Sands um forte símbolo do que Singapura é capaz. O hotel-cassino mais caro já construído (US$ 6 bilhões) ficou famoso por sua ‘piscina infinita’ no topo, mas é muito mais que isso.

Singapura atrai turistas porque não economiza nos números: o hotel investiu em mais de 500 mesas de apostas de roleta e pôquer, reflexo da demanda observada em países vizinhos e no crescimento de versões online similares.

O videpoker do clássico Jacks or Better, encontrado em versão similar no Marina Bay Sands e uma das combinações do jogo que o avaliador Casinos.pt levantou nas páginas de cassino online mais vantajosas, além dos bônus oferecidos, é um dos indicadores do interesse do público. A plataforma mediadora, porém, aconselha a praticar e dá dicas – necessárias para quem quiser enfrentar o perfil profissional do apostador do hotel-cassino.

Outros destaques monumentais do prédio são o jardim suspenso, um ‘bosque futurista’ com passarela a 128 metros de altura e que possui seu próprio aplicativo exclusivo, o Garden By the Bay, para desfrutar de uma visita guiada e de funções interativas; além dos 2560 quartos, shopping center, restaurantes e teatros, todos disponíveis para reserva pelo aplicativo Marina Bay Sands, dando ao visitante liberdade e controle.

Yes, it’s true! Staycation packages from just $299 per night. Plus, members receive an extra $60* per night. Hurry,…

Posted by Marina Bay Sands on Friday, September 4, 2020

Se você está convencido de que Singapura é uma excelente opção, anime-se porque o país abre em média cerca de 15 mil vagas por ano a estrangeiros, principalmente nos setores de Hotelaria, Comunicação, Tecnologia da Informação, Software e Finanças. Novos horizontes podem ser a resposta que você precisa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui