Metrópole mais ao norte do globo, Moscou é a segunda cidade mais populosa da Europa, sexta maior em habitantes do mundo. Com seus mais de 12 milhões de moradores, a capital russa destaca-se como polo político, econômico, artístico, cultural e de ensino.

Uma Moscou moderna e histórica

A importância de Moscou no país tem origem ainda na Era medieval. Ela já se configurava como sede principal na época, passando pelo período dos czardos e, após, fixando-se como centro estratégico na gigante União Soviética.

Para ter-se uma ideia do valor de Moscou, a localidade é responsável por 22% do Produto Interno Bruto (PIB) russo. Uma das capitais mais frias do mundo, a cidade atinge -25ºC em seu rigoroso e prolongado inverno. Ao passo que, no verão, as temperaturas chegam aos 30ºC.

De acordo com a revista Forbes, Moscou abriga uma das maiores comunidades de milionários do mundo.

Conhecida por sua qualidade na educação, a megacidade conta com mais de 1.695 colégios, 91 faculdades e mais de 60 universidades federais. A Universidade de Moscou, em sua biblioteca, dispõe de cerca de nove milhões de títulos, ou seja, o maior acervo de toda a Rússia.

Colossal, a cidade possui quatro aeroportos internacionais. Além disso, mantem um dos túneis subterrâneos mais profundos do globo, o metrô de Moscou que, em suas 185 estações, transportam um número de passageiros que perde apenas para o de Tóquio.

Pontos turísticos

Patrimônio Histórico da Humanidade, o Kremlin, antiga fortaleza que hoje é sede do Poder Executivo do governo e residência presidencial, é uma das atrações turísticas moscovitas. A Praça Vermelha, palco dos desfiles militares soviéticos, e a Catedral de São Basílio, grande marco arquitetônico construído entre 1555 e 1561, são outros pontos de visitação.

Os amantes da arte, naturalmente, têm no Teatro Bolshoi um grande passeio. Projetado para espetáculos de ópera e balé, o local é sede do Balé Bolshoi, uma das mais antigas companhias de dança de todos os continentes. Igualmente, o Instituto de Cinematografia Gerasimov de Todos Estados Russos é mais uma alternativa ligada à expressão artística. Fundado em 1866, é a instituição associada à sétima arte mais antiga que se tem notícias.

Por fim, vale mencionar que o quarto maior estádio da Europa, o Complexo Luzhniki, sede das Olimpíadas de 1980 que será ampliado para se receber a Copa de 2018, da mesma maneira fica em Moscou, esta cidade cheia de atrativos e que sem dúvida faz uma viagem ao Leste europeu valer a pena.

Site oficial: www.mos.ru

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here